Archive

Posts Tagged ‘tubulação’

Como o CAESAR II oferece suporte a indústrias tradicionais e não tradicionais, diversificando a análise de tubulação

4 de setembro de 2020 Leave a comment

CAESAR II é a solução líder da indústria em análise de tensão e flexibilidade de tubulações. Ele pode modelar carregamentos estáticos e eventos transientes dinâmicos, economizando tempo e recursos dos usuários. A solução é muito fácil de usar, com pouca prática necessária antes de você entrar em seu ritmo. Em qualquer indústria onde existam sistemas de tubulação, CAESAR II pode analisar as cargas e verificar de acordo com 35 padrões internacionais de códigos de tubulação e diretrizes ambientais e de equipamentos, proporcionando tranquilidade em suas análises e melhorando seus fluxos de trabalho.

À medida que os benefícios da utilização do CAESAR II continuam a crescer, as indústrias que estão descobrindo os benefícios também aumentam. O setor de energia está se transformando, com pressão para se tornar mais verde e com maior foco ambiental. Em 2040, a demanda global por combustível e energia será quatro vezes o que era na década de 1990, de acordo com um Relatório de Energia e Utilitários de 2019 da PWC. Com isso em mente, reduzir o tempo de inatividade e otimizar a análise e o processo é fundamental para se manter competitivo, eficiente e reduzir a pegada de carbono do projeto.

A produção de energia limpa pode ser apoiada pelo CAESAR II, como os clientes com painéis termossolares utilizando a solução para a análise de suas tubulações, que transportam vapor de alta temperatura para criar energia verde.

Uma indústria não tradicional de CAESAR II na qual temos visto um número crescente de projetos é a indústria biofarmacêutica. Embora a tubulação na indústria biofarmacêutica não alcance temperaturas e pressões tão altas como, por exemplo, a indústria de energia, um trabalho biofarmacêutico crítico está sendo realizado e deve seguir os padrões e diretrizes.

A falha da tubulação pode causar problemas significativos e comprometer a padronização do trabalho, portanto, a análise para garantir o fluxo de trabalho e a produtividade é fundamental.

Pronto para saber mais sobre o CAESAR II? Saiba mais no vídeo de overview do mais novo lançamento, CAESAR II 12.

Fonte: Hexagon PPM

Por Equipe N.A Tecnologia

MARCAS: Todos os produtos aqui mencionados são usados somente para fins de identificação, são marcas comerciais e/ou marcas de serviço dos seus respectivos proprietários.

Prêmios de 500 e 2 mil dólares: Platinum Pipe Awards 2021, da AFT

4 de setembro de 2020 Leave a comment

Todos os anos a AFTApplied Flow Technology reconhece a excelência em modelos de sistemas de tubulação e dutos projetados usando os softwares AFT. Para isso, organiza o Platinum Pipe Awards, que premiará usuários em diferentes categorias.

O indivíduo responsável por enviar a inscrição vencedora em cada categoria receberá um vale presente de US$ 500,00 da Amazon.com. Um crédito AFT de US$ 2.000,00 será concedido ao proprietário do software usado pelo vencedor em cada categoria. Este crédito pode ser aplicado ao AFT Fathom, AFT Arrow, AFT Impulse e seus módulos.

Envie seu melhor projeto em uma das seguintes categorias:

  • Modelo mais interessante: Mostre-nos como os recursos dos softwares AFT permitiram que você modelasse algo de que não era capaz de fazer anteriormente. Pode abranger um modelo que seja particularmente interessante, usando recursos de forma criativa, um uso interessante de um módulo, ou mesmo o modelo com a história de fundo mais interessante.
  • Correlação com dados de teste/dados de campo: seu modelo hidráulico e os dados de campo combinam bem? Você comparou um sistema real a um modelado no software AFT?
  • Benefícios operacionais e sustentabilidade: Seu modelo mudou significativamente a forma como as operações são realizadas e economizou tempo, energia, material ou dinheiro? A confiabilidade do seu sistema aumentou? O estudo trouxe benefícios ambientais?
  • Automated Network Sizing: se você usou o novo módulo de dimensionamento automático ANS da AFT com seu projeto de Fathom ou Arrow, envie seus modelos e dados para nos mostrar como isso ajudou a diminuir o peso da tubulação, custos recorrentes ou relacionado ao uso de energia.

Para participar:

Todas as inscrições devem ser enviadas eletronicamente para platinumpipe@aft.com e incluir o seguinte:

  • Formulário de inscrição oficial preenchido e assinado digitalmente
  • Envie via anexo ao e-mail o arquivo de input do software e as informações do banco de dados AFT de uma versão licenciada do AFT Arrow, AFT Fathom, AFT Impulse, AFT Mercury ou AFT Titan
  • As inscrições para a categoria “Correlação com dados de teste/dados de campo” também devem incluir a documentação que descreve os dados de teste/campo e uma comparação com os dados previstos do modelo correspondente.

Você também pode enviar vídeos curtos (de até 2 minutos) para ajudar a entender melhor seu projeto e aumentar suas chances de ganhar. Por exemplo: Mostre o projeto! Conte o que foi interessante ou como o software AFT o ajudou. Você aprendeu algo novo? Compartilhe!

Um arquivo de modelo pode ser usado para entrada em várias categorias. Para conferir os ganhadores de outras edições, informações sobre o prêmio e as regras oficiais do concurso, entre no site da AFT clicando aqui.

* Se a sua empresa proíbe você de receber prêmios em dinheiro, você pode optar por doar o dinheiro do prêmio para uma instituição de caridade de sua escolha.

Fonte: Applied Flow Technology

Por Equipe N.A Tecnologia

MARCAS: Todos os produtos aqui mencionados são usados somente para fins de identificação, são marcas comerciais e/ou marcas de serviço dos seus respectivos proprietários.

Artigo AFT: Manuseio de Gases – Controle de Processo para Fluxo Compressível

12 de agosto de 2020 Leave a comment

Há muitos fatores a serem considerados ao projetar o controle de fluxo ou pressão em processos de manuseio de gás. A pressão é a força motriz do sistema, mesmo quando você está projetando para controle de fluxo. Ao alterar as perdas por atrito no sistema, você altera a taxa de fluxo de massa operacional. A conservação de massa é uma lei fundamental, mas a conservação de volume não é. Fluxo volumétrico, velocidade, densidade e temperatura mudarão de acordo com a equação de estado do fluido, embora o fluxo de massa possa ser constante. Ao longo do comprimento de uma tubulação adiabática e com área de seção transversal constante, você verá a diminuição da pressão e da densidade, a taxa de fluxo volumétrica e o aumento da velocidade e, na maioria das vezes, a queda da temperatura.

Quando a pressão é sua variável controlada, você afeta a pressão (e o fluxo) a montante e a jusante com a mesma operação da válvula. O fechamento de uma válvula criará maiores perdas de pressão, o que implica uma maior pressão a montante, uma pressão mais baixa a jusante e uma menor taxa de fluxo de massa. Uma válvula redutora de pressão controla a pressão a jusante, enquanto uma válvula de sustentação de pressão controla a montante.

Dependendo da aplicação do processo, os engenheiros projetam uma ampla gama de métodos de controle de fluxo e pressão, mas tudo se resume a alterar a pressão para alterar a transferência de momento. Essa é a bela consistência da engenharia química: há sempre uma força motriz por trás dos fenômenos de transporte. Controlar essa força motriz é como você controla as variáveis ​​do processo.

Clique aqui e confira o artigo completo “Gas Handling: Process Control for Compressible Flow” da revista Chemical Engineering.

Fonte: Applied Flow Technology e Chemical Engineering Magazine

Por Equipe N.A Tecnologia

MARCAS: Todos os produtos aqui mencionados são usados somente para fins de identificação, são marcas comerciais e/ou marcas de serviço dos seus respectivos proprietários.

Webinar CAESAR II: implementação de novos códigos internacionais

27 de julho de 2020 Leave a comment

CAESAR II é o padrão do setor para análise de flexibilidade em tubulações, permitindo construir, avaliar e gerar relatórios de sistemas de tubulação de acordo com mais de 35 padrões internacionais, diretrizes ambientais e de equipamentos. Também apresenta um link bidirecional entre análise e projeto em CAD, permitindo que engenheiros e projetistas compartilhem informações com facilidade, mantendo sincronizados os desenhos e dados relacionados.

  • Aumente a produtividade aproveitando a análise estática e dinâmica com gráficos de ponta
  • Economize tempo beneficiando-se da criação intuitiva de modelos de análise
  • Melhore a precisão dos dados utilizando ferramentas de projeto e assistentes, juntamente com uma verificação abrangente de erros

Entre neste link e preencha o formulário desta página para acessar a gravação do mais recente webinar ON-DEMAND. Nesta sessão você verá:

  • Implementação da norma EN-1591
  • Atualização da norma offshore, DNVGL-ST-F10

Fonte: Hexagon PPM

Por Equipe N.A Tecnologia

MARCAS: Todos os produtos aqui mencionados são usados somente para fins de identificação, são marcas comerciais e/ou marcas de serviço dos seus respectivos proprietários.

Lançamento: CAESAR II v12

1 de julho de 2020 Leave a comment

A Hexagon tem orgulho em anunciar o lançamento do CAESAR II v12, a ferramenta completa para análise de flexibilidade em tubulações. A nova versão inclui várias melhorias para criar, avaliar e gerar eficientemente relatórios dos sistemas de tubulação, de acordo com mais de 35 padrões internacionais de códigos de tubulação, diretrizes ambientais e de equipamentos.

As melhorias, feitas com nossos usuários em mente, incluem:

  • O CAESAR II v12 fez as atualizações necessárias para dar suporte às últimas edições da ASME B31.3, B31.4, B31.8 e Z662 canadense.
  • Economize tempo e dinheiro em seus projetos de tubulação, evitando ensaios desnecessários de impacto. Para tubulações B31.3, esse novo recurso de temperatura mínima do material de projeto pode ajudar a determinar se o teste de impacto é necessário ou não.
  • No ambiente de Piping Input foi adicionado o novo cálculo de flambagem B31.8. Esse novo recurso auxilia convenientemente o engenheiro de flexibilidade de tubulação no cálculo do valor da tensão para determinar os valores de flambagem e instabilidade lateral de um elemento de acordo com B31.8-2018.
  • Maior facilidade de uso em áreas como o módulo de flanges EN-1591, otimização adicional de gráficos, melhorias no desempenho das operações de clique duplo e muito mais!
  • Hospedada na nuvem, nossa nova tecnologia de licenciamento pode funcionar de qualquer lugar em que haja uma conexão com a Internet e até suporta o checkout de licença para uso offline.

O CAESAR II v12 também inclui aprimoramentos de conteúdo de suportes de molas, a adição dos dados estruturais da AISC 2017 e a atualização do banco de dados de materiais russos. As melhorias funcionais incluem melhorias na importação de PCF, importação do AFT IMPULSE e um algoritmo de convergência de atrito reprojetado, melhorando o desempenho.

O CAESAR II v12 inclui todas as ferramentas necessárias para executar análises estáticas ou dinâmicas. Para mais informações sobre o CAESAR II, clique aqui.

Fonte: Hexagon       

Por Equipe N.A Tecnologia

MARCAS: Todos os produtos aqui mencionados são usados somente para fins de identificação, são marcas comerciais e/ou marcas de serviço dos seus respectivos proprietários.

%d blogueiros gostam disto: